Sexta-feira, 16 de junho de 2017 às 12:45 em Opinião
FHC ameaça romper se Temer seguir com plano para barrar a Lava Jato
FHC e Michel Temer

 

Como a gente contou aqui, Fernando Henrique foi peça fundamental na articulação para que os tucanos mantivessem o apoio ao governo Michel Temer. Parece que ele mudou bem rápido de idéia.

Nessa quinta-feira (15), ele divulgou uma nota em que constata a “desconstrução contínua da autoridade” de Temer, a quem pede um gesto de grandeza e sugere como saída a antecipação das eleições gerais.

FHC manifesta também sua oposição à execução do plano que o entorno de Temer pretende executar para barrar a Lava Jato. Como Os Divergentes registram, são ações como a escolha de um delegado e de um procurador afinados com o governo para a direção da Polícia Federal e da Procuradoria-Geral da República.

Em sua nota, após avaliar que Temer não está conseguindo se legitimar como presidente da República, Fernando Henrique arremata: “Pior ainda, se houver tentativas de embaraçar as investigações não vejo mais como o PSDB possa continuar no governo”.

Como de hábito, ele fecha o texto com uma frase de efeito: “Preferiria atravessar a pinguela, mas, se ela continuar quebrando, será melhor atravessar o rio a nado”.

Enviei uma mensagem a um ministro, que acompanhou de perto a costura do apoio de Fernando Henrique, perguntando o que ele achou da nota de FHC. “Perplexo”, respondeu.

Não está claro se essa nova postura de FHC pode influenciar uma reviravolta na posição dos tucanos em relação ao governo. Se ele está apenas jogando para a plateia que não gostou da opção tucana. Afinal, aparentemente, pouca coisa mudou nesses últimos dias. Aécio Neves, por exemplo, continua refém do PMDB no Senado para não ter o mandato cassado, e perder o foro privilegiado.

Outra peça nesse tabuleiro é a promessa do PMDB de apoio aos tucanos nas eleições presidenciais em 2018 se eles ajudarem agora a sustentar o governo Temer.

Até o fim do mês está prevista a apresentação por Rodrigo Janot da denúncia contra Michel Temer ao Supremo Tribunal Federal.

Pode ser o fato novo para um cavalo de pau dos tucanos.

A conferir.

 

Por Andrei Meireles - 15/06/2017 - 19h49 - OS DIVERGENTES por email em 16/06/2017 - 12h07

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE